Dicas de Viagem
Your are here : arfMedia -> Blog -> Dicas de Viagens -> Nova York - 12 coisas para fazer no Soho

Nova York - 12 coisas para fazer no Soho

Da arquitetura de ferro fundido de seus prédios históricos à art-work das lojas mais cobiçadas por fashionistas para onde quer que se olhe, o SoHo oferece olhos de curador. Veja 12 coisas para fazer no bairro mais cool de Nova York. Arte, moda, design e aquela atmosfera "cool" que só um bairro em Nova York pode ter. Tão peculiar quanto o SoHo são as pessoas, que mesmo para comprar jornal e cigarros se vestem com estilo. E depois de olhar para os lados, você vai querer olhar para cima. O bairro é dotado da maior quantidade de prédios com estrutura de ferro fundido do mundo, a grande maioria construída no final do século XIX. Sua arquitetura rica e cheia de ornamentos e colunas oferece uma vista única da Big Apple. Veja um guia completo de lojas e achados para você explorar um dos bairros mais estilosos da cidade e depois acesse nycgo.com para montar seu próprio itinerário.

Reserve pacotes, hotéis atrações e shows em Nova York




Opening Ceremony - (35 Howard St.) - A atriz Chloë Sevigny se tornou o epítomo do urban fashion e aproveitou sua fama para desenhar sua própria linha de roupas com estilo nerd-cool e meio retrô para a marca Bass. Lá, suas criações dividem as araras cm a Pendleton, famosa por suas fabulosas criações de lã, feitas com padronagens baseadas na cultura indígena norte-americana. Esses são apenas alguns dos inúmeros achados possíveis na loja, que mistura de forma magistral marcas veneradas pelos fashionistas com combinações inusitadas do que verdadeiramente pode ser chamar de "cool". E não deixe de levar um regalo da loja, que conta com vending machines de produtos Hello Kitty e um subsolo recheado de pérolas editoriais para quem coleciona revistas de moda difíceis de encontrar como a Global Influence, Me e Electric Youth.



Moss - (150 Greene St) - A loja é conhecida por dispor os móveis como se fossem peças em exibição no museu e é uma das queridas dos amantes do high-design. Suas vitrines ultra-coloridas já são motivos suficientes para você dar uma espiada. Com peças para todos os cômodos, que são tanto utilitárias quanto objetos de arte, a loja é, literalmente, de parar o trânsito. Mas não pense que apesar disso, tudo por ali custa os olhos da cara. É possível voltar da sua viagem com suvenires divertidos (e a preços acessíveis), assinados por designers famosos. Uma dica são os fantoches de dedo da marca Gone But Not Forgotten, criados exclusivamente para o empório de design da loja. A caixinha com seis custa 75 dólares e traz figuras famosas (Yves Saint Laurent, Charlton Heston, Maharishi Mahesh Yogi, Heath Ledger, Jesse Helms e Aleksandr Solzhenitsyb).



Walter de Maria: The New York Earth Room - 141 Wooster St - Parece um sonho nonsense. Você toca a campanhia, e após subir algumas escadas está diante de uma sala de meditação completamente coberta de terra. Isso mesmo: terra. São 334 m2 de área útil coberta por 127.005,85 quilos de terra criado pelo escultor e compositor Walter de Maria. O Earth Room é uma instalação que já foi criada duas vezes na Alemanha e após atingir solos americanos, tornou a filial do SoHo o único exemplar existente no mundo. Aberta gratuitamente ao público desde 1980, a obra é mantida pela Dia Art Foundation.


Reserve pacotes, hotéis atrações e shows em Nova York




reGeneration - 38 Renwick St. - As proprietárias deste brechó de móveis, Valerie Guariglia e Christine Miele revelam o seu gosto impecável por escolher peças sempre em voga e que refletem o espírito contemporâneo da metade do século XX. E o melhor: os preços são bem acessíveis. A coleção ainda conta com dois andares dedicados a sofás e objetos da era Mad Men e uma seleção de sofás e objetos de decoração que atendem aos fãs da mobília inspirada na década de 50, antes do revival retrô. A loja também é conhecida pela seleção de peças desenhadas por Florence Knoll e Paul McCobb, além de servir de espaço de exibição para novos artistas. Pinturas e colagens de Paul Sunday, Nancy Olivier e Jody Morlock marcaram a primeira mostra, e assim como nas exposições subseqüentes, as obras estão à venda.


Kiosk - 95 Spring St. - A loja fica escondida no segundo andar de uma escadaria coberta por grafitis sujos. E quem passa por lá nem imagina que ali existe um verdadeiro achado de objetos de decoração. A Kiosk expõe produtos de design como peças de museu, bem ao estilo da Moss, mas com uma pitada de criatividade e loucura. Com preços mais acessíveis que a sua colega, o dono da loja fereqüentemente viaja o mundo em busca de novas coisa legais e dispõe os produtos tematicamente, dedicando seu espaço a um país diferente de um mês a outro. É uma verdadeira viagem ao redor do globo sem sair de Nova York: estátuas de pássaros provenientes de Portugal, envelopes de Hong Kong e sacolas de compra vintage feitas por designers da Alemanha Oriental.

Apple Store - 103 Prince St. - a loja não é só para applemaníacos em busca dos últimos gadgets da marca. No andar de cima você encontra sempre um evento bacana e pouquíssimo divulgado, com personalidades como o blogger The Sartorialist e Joss Whedeon criador do Dollhouse. Bandas hypadas como Linkin Park e Sonic Youth já fizeram pockets shows. E tudo isso de graça. Para saber o que está ocorrendo, acesse o site, que é sempre atualizado com as atrações da semana. Além disso, a loja oferece mimos como a possibilidade de você carregar seu IPhone de graça, checar seu e-mail ou navegar na internet. Detalhe: aqui os telefones à venda funcionam mesmo!



Crosby Street Hotel - 79 Crosby St. - Um hotel high-end que aceita cachorros e trata seus donos tão bem quanto seus animais de estimação. Um reduto de luxo com sua própria sala de exibição de filmes e uma jardim gourmet na cobertura. Tudo isso é o que encontram os exigentes e descolados hóspedes do recentemente aberto Crosby Street Hotel - a primeira filial americana da rede britânica Firmdale Hotels. Desde os detalhes de seu atendimento pet-friendly impecável (que inclui até tigelas de prata para os cães) e seus drinks com ingredientes exóticos - como infusão de café, por exemplo - nada se compara à experiência da sofisticação inglesa bem no coração do SoHo.


Reserve pacotes, hotéis atrações e shows em Nova York




Don Hill´s - 511 Greenwich St. - Mesmo com suas cores vibrantes e palquinhos de pole dance, essa casa transcende os clichês. Para amantes de indie rock e goth rock, o Don Hill´s oferece sempre shows variados e uma galera descolada que faz o lugar ser mais fashion e alternativo. O próprio Don às vezes emerge do subsolo para apreciar a seleção de música dos anos 80 que agita as pickups. E reza a lenda que o atendente do bar tira foto de todos os clientes que aarecem por ali...



Fanelli´s Café - 94 Prince St. - em 1970 este bar se tornou famoso por alimentar diversos artistas, que tinham seus próprios espiões para sondar quando era oferecida comida grátis nos after parties. Supostamente o restaurante mais antigo de Nova York, o nome Fanelli´s foi adquirido em 1922 quando o dono Michael Fanelli assumiu o bar e o transformou em café (para afugentar os guardas da lei seca). O local guarda uma destilaria secreta escondia estrategicamente atrás do bar e inacessível aos clientes - uma das atrações do local. Não deixe de provar os hambúrgueres e drinks como o Blood Mary, mas não se preocupe com o horário: a cozinha fica aberta até às 2 da manhã nos fins de semana.



Saturdays - 31 Crosby St. - Uma mistura de surf shop masculina e um café descolado fazem a cabeça de quem procura um local colorido e cheio de pranchas para passar uma tarde legal tomando um espresso no pátio secreto dos fundos. Entre parafina e trajes de neoprene, a loja ainda esconde uma seleção de marcas para quem curte o gênero: RVCA, Spring Court e Lightning Bold.


Kittichai - 60 Thompson St. - O Chef Lan Chalermkittichai criou uma ambiente estiloso dentro do hotel Sixty Thompson que transcende a comida tailandesa tradicional. Lá são servidos pratos que exprimem a verdadeira obra prima da cozinha contemporânea sul-asiática. Experimente a banana blossom salad ou as costelinhas ao curry verde. Tudo isso em uma atmosfera eclética e permeada por orquídeas.



Film Forum - 209 W. Houston St. - Desde 1970, esta casa independente não só exibe obras que você dificilmente encontrará nas grandes cadeias comerciais, como também celebra a sétima arte com eventos diversos. De encontros com diretores a documentários inovadores, esta é definitivamente uma art-house.


Reserve pacotes, hotéis atrações e shows em Nova York





8


Outros posts interessantes:

  > Paris se destaca pelo mau atendimento e mau humor

  > WSOP 2009 - Tom McEvoy vence o torneio Champions Invitational

  > WSOP: Jovem Jason Mercier vence o evento 5

  > Nova York - 12 coisas para fazer no Soho

  > Fotos Reveillon 2011



Serviço de otimização / marketing de sites

Contato

Blogs: Blog de Moda  *   Dicas de Viagem   *  Alugar avião privado  *   Blog do Alexandre  *   Blog do Luxo  *   Alex   *   Punta del Este   *   Sushi Delivery São Paulo   *