Blog de Moda
Your are here : arfMedia -> Blog -> Blog de Moda -> SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

Nessa quarta-feira, dia 21 de janeiro, o quarto dia do São Paulo Fashion Week nos deixou com mais vontade ainda que as estações frias cheguem logo, uma vez que foram trazidas coleções maravilhosas.
O estilista Reinaldo Lourenço se inspirou na metrópole agitada das décadas de 20 e 30 para criar sua nova linha. Dessa motivação, nasceram os vestidos com placas de organza metalizada que ele define como arquitetônico. A geometria marca toda a linha de inverno, sobretudo na seqüência de vestidos trabalhados de maneira semelhante a origami em tecido prata, dourado e bronze. O designer transpôs para as calças o construtivismo e o cubismo que, embora justas, traziam desenhos geométricos no contraste do branco no preto ou do vermelho no preto. A alfaiataria mais uma vez é explorada pela grife. A novidade surge nas estolas que acabam se transformando em mangas.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

O ponto de partida da criação de Érika Ikezili foram os furoshikis, ou seja, pedaços de panos coloridos usados como embrulho no Japão. Tal inspiração resultou num patchwork em tecidos de cores diferentes numa única peça. Os vestidos são o carro-chefe da linha que aparecem na sua maioria rentes ao corpo e ajustado por cintos fininhos. Porém, ainda há espaço para os mais volumosos na parte inferior que seguem até a altura dos joelhos. A silhueta feminina é valorizada pelas calças justas nas pernas e com o quadril um pouco mais largo. A cintura é alta e na parte de cima se destacam as camisas de mangas bufantes ou os boleros.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

A coleção Fashionz Olhos da Oestúdio baseou-se na incapacidade humana de enxergar as coisas simples do cotidiano. A cegueira serviu de mote para criar roupas em que a parte da frente é igual à de trás. Tecidos texturizados com bolinhas em alto relevo deu forma à camisas enfeitadas por pequenos nós. Em um dos looks masculinos, o gancho da calça era igual à gola da blusa. Essa inversão é notada também nas camisas que têm os botões nas costas. A modelagem é ampla nos vestidos com bolsos laterais. As mulheres ainda contam com a praticidade do macacão no qual as costuras foram substituídas por zíperes.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

Agyness Deyn era uma das presenças mais aguardadas desta 26a edição. E ela não decepcionou. A britânica abriu o desfile da Ellus com exclusividade. Ainda com as luzes apagadas, a modelo passou em frente ao telão gigante instalado em um dos lados da sala e, ao chegar na boca de cena da passarela, a iluminação voltou-se para ela. O jeanswear é o ponto alto do inverno 2009. Dos mineradores e de outros tantos trabalhadores - chamados de hardworkers -, a grife resgatou o aspecto rústicos da lavagem do brim, que varia do quase preto até as tonalidades mais claras de cinza. Os acessórios recolocam na moda parte da indumentária dos hardworkers, como o coturno, as luvas e os chapéus de caubói.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

O estilista Wilson Ranieri pretendia trazer a elegância da mulher dos anos 10 e 20 do século XIX e o reflexo da fonte inspiradora é a modelagem um pouco afastada do corpo com recortes nas costas e no colo. O comprimento fica no mínimo na altura dos joelhos. Essa é a prova que o estilista faz roupas para realçar a feminilidade sem precisar carregar no toque sensual. Franzidos e dobraduras no tecido aparecem praticamente em todos os vestidos que variam nos tons de bege, rosa e lilás. A gola de alguns deles traz uma espécie de lenço que cai apenas de um lado.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

A V.Rom quebrou a seriedade da alfaiataria por meio da reconstrução de elementos clássicos, como o terno e o colete. Nas mãos de Igor de Barros, os blazeres ficaram mais agitados e um pouco mais curtos. As calças têm a barra curta, na altura do tornozelo. A grife propõe o encontro do hippie com o rock. O toque setentista é visto no xadrez das camisas e dos conjuntos de bermuda e paletó, além estar na jaqueta jeans. Já o rock é retratado nas peças em tecido azul metalizado. Os sobretudos ganham ar rebelde no material envernizado e dourado. O couro representa o hippie-rock. Nos momentos em que é trabalhado na sua cor natural, em cru, tende para o hippie, ao passo que no preto e mesmo no branco faz lembrar até o estilo Elvis Presley.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009

A Animale arrematou o maior número de convidados de todas as grifes desta quarta-feira. Raquel Zimmermann cruzou a passarela com um macacão transparente na parte de cima, que deixava seus seios à mostra. Da platéia, vieram gritos, assovios e aplausos. A estilista Cláudia Jatahy construiu peças pesadas para proteger o corpo feminino do frio. Sua intenção era transpor para os casacos uma representação estilizada da musculatura que se transformou em relevos localizados nas mangas. Com o intuito de deixar o visual mais leve, a marca propõem usá-los sobre vestidos fluidos.

SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009
SPFW: Quarto dia das coleções Inverno 2009


4


Outros posts interessantes:

  > Quinto dia do Fashion Rio em alta

  > Oxford para o calor!

  > Xadrez em vários estilos

  > Adeus, salto alto!

  > Renda em tudo



Serviço de otimização / marketing de sites

Contato

Blogs: Blog de Moda  *   Dicas de Viagem   *  Alugar avião privado  *   Blog do Alexandre  *   Blog do Luxo  *   Alex   *   Punta del Este   *   Sushi Delivery São Paulo   *